quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Refletindo sobre: Internet segura

No dia 7 de fevereiro de 2012, comemora-se o Dia da Internet Segura. Achámos que seria bastante pertinente, até porque iremos usar com mais frequência este recurso, relfetir sobre esta temática.

Assim, propomos, antes de  mais, que vejam o vídeo. Depois, sigam as orientações. Bom trabalho.






TEMÁTICA - Internet segura 

ATIVIDADE DE PREPARAÇÃO - Ver o vídeo e discutir ideias, em sala de aula.

ATIVIDADE DE ESCRITA

1ª Etapa - Ler com atenção os seis ALERTA.
2ª Etapa - Escolha de um alerta e exploração das ideias, usando as indicações disponibilizadas. 
3ª Etapa - Construção de um texto de caráter expositivo onde sejam  apresentados os aspetos essenciais e levantados os problemas do ALERTA escolhido.

TIPO DE TEXTO -  Texto Expositivo ou Panfleto (Sugestão da Beatriz Malaquias do 7ºB)

PROCESSO DE ENTREGA / PRAZOS - Responder na caixa dos comentários deste post, até ao dia 27 de fevereiro ou, em suporte papel, até ao dia 23/02/12 (8ºA, 7ºB), e 24/02/12 (8ºB e 7ºA). 

Se optarem por fazer um panfleto em suporte digital, devem enviá-lo até ao dia  27 de fevereiro , inclusive, para o seguinte email: clorinda.clorinda@gmail.com.




EXPOSIÇÃO DE PANFLETOS




Referência a este trabalho na página do site SeguraNet.

24 comentários:

Anónimo disse...

Vanessa Brito do 8ºB Nº20 diz:

Eu escolhi a "Situação 4: Encontros presenciais"
Nesta situação o risco que se corre ao encontrar-se com desconhecidos é extremamente grave, pois não sabemos se quem está a falar connosco do outro lado do computador é quem diz ser.
Deve-se evitar esses encontros com os nossos chamados de "amigos virtuais" porque podem querer fazer-nos mal. Em alguns casos até podem querer roubar-nos, violar-nos ou até mesmo ameaçar-nos ou forçar-nos a fazer coisas incorretas só para eles ficarem com o cadastro limpo.
No caso de aceitarmos encontrar-nos com a tal pessoa devemos fazer isso num espaço público com muita movimentação, com o conhecimento dos nossos pais e também com a sua presença, pois se assim o fizermos estaremos mais seguros a qualquer tipo de perigo.

Anónimo disse...

Eu vou falar sobre o 1º Caso :
Se eu estivesse no caso da Ana tinha ido renovar ou instalar outro Antí-virus antes de ir ao Chat falar com a Joana.

Margarida Fernandes (7ºB Nº13)

Anónimo disse...

Situação 4: Encontros presencias


Se estivesse no lugar da Ana, claro que jamais me encontraria com um desconhecido. Muitas das vezes, algumas pessoas pensam que este tipo de situações são normais mas, nem sempre. Há consequências. Por vezes bastante desagradáveis. Pensaria duas vezes antes de cometer o ato, e deveria estar consciente que a minha vida é que estará em risco. Podem mal tratar-me através de um vocabulário inadequado ou mesmo abusarem de mim. Os jovens hoje em dia estão muito mais informados das consequências que isto poderá causar mas mostram-se rebeldes ao ponto de pensarem que conseguem fazer tudo sozinhos e de não precisarem de ajuda. Claro que se em mim irá aparecer uma certa curiosidade em conhecer esse fã marcava um encontro sem qualquer problema mas, teria muito atenção ao lugar do encontro. Escolhia um sítio público com muita movimentação, até porque não estaria sujeita a tanto perigo ou então pedia que um dos meus parentes ou mesmo o meu Encarregado de Educação me acompanhasse. Jamais me encontraria com alguém sem o conhecimento e a autorização dos meus pais. Se estivesse em perigo sabiam onde me encontrar. Confiem nas pessoas que vos querem o bem e partilhem sempre tudo o que vos incomoda.





Elena Tepordei 8ºA

Anónimo disse...

Situação escolhida: Situação 2 – e-mail com anexos.

A Internet é um local onde se pode fazer pesquisas, jogar jogos, ouvir música, ver perfis de amigos ou até mesmo de desconhecidos, entre muitas outras atividades. Posso dizer por experiência própria que ao abrir anexos em e-mails (sejam de pessoas conhecidas ou não) quase nunca dá bom resultado. Já me aconteceu clicar num link que uma amiga minha me enviou e o meu computador ficar com um pequeno vírus (o que vale é que consegui combatê-lo a tempo). Pode-se assim concluir que não são apenas os e-mails de estranhos que podem conter vírus.

Muitas pessoas pensam que a Internet é completamente segura e não existe nenhum risco em visitar certas páginas, clicar em certos anexos ou em fazer downloads de certos documentos. A verdade é que essas pessoas estão completamente enganadas. Quem trabalha ou visita diariamente com o seu e-mail, talvez já saiba o que fazer em situações como a apresentada. Com os antivírus, a chegada de e-mails contaminados às caixas de correio electrónico de cada pessoa pode ser protegida mas, é raro o caso em que todos estes e-mails consigam ser exterminados. É bastante importante ter sempre o antivírus atualizado, pois nunca se sabe quando uma mensagem destas pode chegar.

Por segurança, eu prefiro confiar apenas nos sites que conheço e se alguém me enviar alguma hiperligação e disser que o que está contido nela vale a pena ver ou é muito fixe eu tomo sempre a precaução de pôr o meu antivírus a fazer uma análise a esse e-mail, de modo a saber se posso abrir esse link ou se é melhor não.

Concluindo, o que se pode fazer (mas mesmo assim correndo o risco de alguma coisa má acontecer) é pesquisar no motor de busca novos sites com jogos, músicas e filmes e nunca abrir e-mails suspeitos de conterem vírus.

Madalena Castro
Nº9 8ºB

Anónimo disse...

Encontros com desconhecidos.

Mariana tem 13 anos e faz parte de um clube de dança.
Um homem,que ela nao conhece tem conversado com ela no chat, e ela tem achado esse rapaz muito intersante.A cada dia que passa ela acha-o mais intersante.
Ele convida-a para um encontro no dia seguinte,ela ainda tem duvidas se deverá ir ou nao mas acaba por ir.
Sem ninguem saber ela vai ter com ele a um local que nao é muito movimentado.
Quando ele chega pede para irem para casa dele e ela aceita.
Nos dias seguintes ninguem sabia de Mariana.

Em conclusão nunca se deve aceitar encontros com desconhecidos e se o aceitarmos, deve ser num local movimentado e também devemos dizer a alguem da nossa familia.

Vasco Marques
Nº20
7ºA

Anónimo disse...

Situação 4 : Encontros presenciais

É importante que as pessoas se interessem e se informem por este assunto. Encontros Presenciais por vezes podem ser bastante perigosos, tambem podem chegar ao estremo! Ao econtrarnos com alguém que não conhecemos, não sabemos as suas intensões.Na maioria dos casos foram feitas agressões...
Quando se navega na internet não se deve falar com desconhecidos e ainda por mais marcar um encontro, devemos sempre evitar estas situações. Mesmo que nos agrade.
Se este tipo de encontros ocorrer, o individo deve sempre : escolher um lugar público em que haja movimento, que o encarregado de educação saiba da ocorrencia e que este esteja presente. Que seja divulgado por algumas pessoas...
Se de alguma forma o desconhcido incomodar devesse ter confiança e à vontade de contar a algum adulto (professores, familiares, educadores...).
Contactar a policia no caso de agressões.

Abaixo aos encontros pesenciais ao qual ocorrem agressões!

Lara Kwai N.º12

Anónimo disse...

Situação 4: Encontros presenciais


A Ana, que pertence a uma banda, tem conversado no chat com membros do seu clube de fans. Um deles sugeriu um encontro. Esta situação é muito comum, principalmente com os jovens, neste caso devemos ter alguns cuidados antes de ter contato com alguém pela internet, pois pode ser muito perigoso. Nesta situação há muitos riscos associados, como por exemplo:
- Não saber quem está do outro lado da conversa ( pode não ser quem diz que é ); - Não ter boas intenções; - Pode ser um criminoso; - Não sabemos, pode ter tantos riscos.
Neste caso a Ana poderia, eventualmente, encontrar-se com o fã, mas se isso acontece-se deveria ter alguns cuidados, entre os quais:
- Encontrar-se com ele num sítio público e movimentado;
- Aconselhar-se com um adulto ( pais, professores, ect);
- Estar na presença de alguém quando se for encontrar com o indivíduo.
No que toca à internet é preciso ter muito cuidado pois nunca sabemos o que nos pode acontecer e os pais devem sempre saber do que se passa no “mundo online”.

Filipa Silva 7ºA

Anónimo disse...

“A Ana vai iniciar uma sessão de chat com a Joana. Surge uma janela a informar que o antivírus expirou. Mas ela quer mesmo falar com a Joana.”
Nesse caso adiava a sessão para mais tarde, pelo menos para quando instalasse o antivírus. A Joana poderá mandar uma foto, imagem ou anexo que tem vírus, mesmo sem intenções para isso. Também já passei por esse problema. Não vale a pena arriscar!
Viktoriya Vashchynska

Anónimo disse...

Situação 4

Temos sempre de ter cuidado com os desconhecidos que conversamos no chat.Podem ser abusadores ou ladrões.
Não devemos aceitar os pedidos de amizade de desconhecidos; e só aceitar de amigos e pessoas conhecidas.
Mas, no caso de se aceitar o encontro, faze-lo sempre num sítio público, a pessoa pode ser abusada e tem sempre pessoas por perto; o encarregado de educação deve saber e por vezes o encarregado de educação também deve estar presente.
A Ana ou outra pessoa qualquer tem sempre de confiar num adulto para poder contar com ele nas alturas dificeis e contar as coisas que incomodam o aluno

Anónimo disse...

Um acontecimento como a internet é, sem dúvida, algo de muito bom, uma vez que nos permite abrir as portas da informação mundial, de uma forma que não imaginaríamos há alguns milénios atrás. Poder ler os jornais do mundo apenas clicando nas teclas certas; ter permissão para aceder a enciclopédia mais completa do mundo; ou simplesmente ver que filmes estão no cinema, são uma parte do mundo de temas e noticias que se podem conseguir na Net.Apesar de quando, uma porta como esta, se abre, é natural que algumas coisas negativas por ela passem. E se algumas delas não terão uma importância por aí além, outras precisam de alguns cuidados por parte de pais e educadores.


QUE PERIGOS?

Nem sempre é tarefa fácil distinguir entre aquilo que é, ou não, perigoso/ilegal. Dos riscos que “saltam à vista”, a pornografia é, acima de todos o mais conhecido. Mais grave, a pornografia infantil é, infelizmente, outro dos problemas da Net, embora o acesso não seja tão fácil como para a primeira. Não faltam também os sites de conteúdo racista, assustador, ou de puro incitamento à violência. No entanto, por vezes o perigo pode vir de uma conversa inocente, apesar de “ ser um lobo com pele de cordeiro” num programa de conversa a distancia, o “chat”.
Por todas estas razões aconselha-se que as crianças e adolescentes sejam orientados na sua “ viagem “ e que, na razão do possível, aprendam a confrontar com as situações que se lhes aparecem.



Os perigos mais habituais são:
Visionamento de material impróprio (ex: pornografia)
Ajuda à violência e ao ódio
Violação da privacidade
Violação da lei
Encontros “online” com pessoas desconhecidas
Drogas

Como podemos ajudar:
Em primeiro lugar aconselha-se aos pais que comecem por conversar com os seus filhos, alertando-os sobre o lado obscuro da Internet e ajuda-los a contornar seus perigos. Orientar é sem dúvida melhor que bloquear.

Anónimo disse...

Situação 4

Não devemos aceitar os encontros dos desconhecidos,pois podem ser abusadores ou ladrões.
Só devemos aceitar convites de amigos e de pessoas conhecidas.
Mas, no caso de se aceitar o encontro devemos estar num sítio público; com o conhecimento do Encarregado de Educação e por vezes com a presença do mesmo.
A Ana ou outra pessoa qualque deve ter sempre confiança com um adulto para o/a apoiar e para conversar sobre coisa que incomodem o aluno.


José Santos nº16 7ºA

Anónimo disse...

Alerta Nº2
Na situação da Ana eu não abriria o email cujo o assunto era sobre “Jogos on-line muito fixes” pois, ao abrir um email desses devemos ter a certeza de que não é um vírus que poderá afetar o nosso computador e também nunca abriria um email de um desconhecido. Já me aconteceu uma vez em que recebi um email que era de uma pessoa minha conhecida, que o assunto também era sobre jogos on-line, claro que não abri porque não tinha a certeza de que poderia ou não ser um vírus. Todos deveríamos ter sempre atualizado o nosso antivírus pois se não estiver atualizado pode não detetar o tal vírus de que alguns emails podem conter.
Mariana Baptista Nº19/8ºA

Anónimo disse...

Situação: A Ana recebe um mail de uma pessoa desconhecida. O assunto é "Jogos on-line muito fixes" e a mensagem contém um anexo.
Parece tentador.

O e-mail é uma forma de comunicar que substitui a carta, mas tem algumas falhas. Podemos receber mails de pessoas sem sequer conhece-las. Não devemos abrir esses mails podem conter vírus, linguagem imprópria e mais "n coisas". Mas mails com vírus até podemos receber de pessoas conhecidas e, ao abri-las, podemos estragar o computador ou perder documentos importantes ou até mesmo todos os documentos.
Para evitar todas essas situações graves devemos ter sempre o anti-vírus atualizado. Depois desta breve explicação sobre o mail, os seus riscos e com evitá-los posso falar um pouco sobre o alerta. Nunca devemos seguir hiperligações pois não sabemos onde vão dar. Podem ir dar ao site real, mas também pode ir dar a um vírus ou outras coisas. Portanto acho que digo uma verdade quando digo: Não sigam hiperligações enviadas pelo mail.

Francisco Marques
Nº10 7ºA

Anónimo disse...

Escolhi a situação nº 4 pois é muito importante, deve ser comentada e transmitida. Este tipo de situações acontece muitas vezes. Devemos ter cuidado. Como a Ana pertence a uma banda é normal que toda a gente a conheça, e muitos aproveitam-se desse facto, para fazerem algo, muitas vezes são encontros que nem a própria sabe com quem, ou seja, não conhece.
Quando uma pessoa como a Ana é conhecida deve ter alguém com quem contar e confiar pois é muito perigoso e deve partilhar tudo o que acontece de estranho ou a incomoda. Muitas vezes esses encontros são em locais pouco movimentados mas não deve ser assim, deve ser em locais públicos onde circula muita gente. Mas a pessoa deve ir acompanhada mas sem o correspondente com quem se vai encontrar saber, para que se acontecer algo essa pessoa faça algo para impedir. Devemos ter cuidado com o que fazemos e com quem fazemos, a internet é muito perigosa, e “mentirosa”.


Ana Carolina Nº1 8ºA

Anónimo disse...

Se, na internet uma pessoa que eu não conhecesse começa-se a crer falar comigo eu não respondia, pois podia estar a correr um grande risco. Quem fala com estranhos deve, ter alguns cuidados.
As pessoas não devem falar na internet com estranhos, pois não se sabe se as fotos ou aquilo que eles dizem e verdade. Quando se fala com desconhecidos nunca se deve dar dados pessoais, ou enviar fotos de nós próprios ou amigos/familiares.
Se aceitarem encontrar-se com essa tal pessoa, devem sempre escolher um local publico, onde exista muita movimentação, devem também informar alguém, de preferência, os pais, que vão a um encontro. Era melhor levar um adulto ao encontro, pois assim estarão mais seguros. Se seguirem estes concelhos ficaram muito mais protegidos em caso de haver alguma coisa.
As pessoas devem ter alguém de confiança com quem partilhar estes assuntos.

Nadine.S
Nº15 8ºB

Anónimo disse...

No lugar da Ana eu não iria a esse encontro, visto que os perigos são elevados.
Caso ela fosse devia prevenir-se. O encontro deveria ser feito num local público e com muitas pessoas, não ir sozinha e dar a conhecer aos pais desse encontro.

Catarina Baptista
nº5/8ºA

Anónimo disse...

5º Alerta:
Hoje em dia, os telemóveis têm a capacidade de transmitir informações de variadas maneiras… A troca de vídeos é aquela que requer maior cuidado com a utilização e sobretudo, com a partilha desses mesmos conteúdos. Existem vídeos que mostram cenas de violência, como por exemplo, a violência entre adolescentes e que são depois enviados para outros colegas, para que os vejam. A verdade é que qualquer ser humano capaz de pensar e reflectir, deve chegar à conclusão de que aquilo é errado, e que é preciso fazer algo para que tal situação não se repita. Para isso, qualquer pessoa que receba um vídeo desse género, quer seja um adulto ou um aluno, não deve, como é óbvio, contribuir para que outras pessoas lhe tenham acesso e mostrar de imediato que não pretende receber mais coisas do género. Mais importante ainda, deve fazer imediatamente queixa do sucedido ao Encarregado de Educação ou a algum professor, caso seja aluno, tentando desta forma ajudar. Além do mais, deve tentar colocar-se no lugar das pessoas presentes no vídeos e reflectir sobre as imagens que recebeu, de maneira a tentar perceber como uma situação daquelas pode surgir e de que maneira os envolvidos podem sair prejudicados.

Leonor Ferreira, Nº 15, 8ºA

Anónimo disse...

Copiar algo da internet não é grave. Grave é não indicar a fonte e o autor do documento. E mais grave ainda é dizer que vou feito pelo indivíduo que copiou. Aí está a diferença. É uma falta de respeito, mas infelizmente, este ato é muito frequente.
Outro problema que surge nas informações que estão na internet é que podem estar erradas. Não podemos confiar em tudo. Provavelmente até há pessoas que estão simplesmente a gozar. Por isso, primeiro devemos confirmar se a informação está correta e só depois copiá-la. Para confirmar, podemos ir a outras fontes. Se a informação é semelhante, está correta.
Mesmo fazendo tudo bem, ou seja, indicar o autor, confirmar se está correto, não é preferível copiar a informação toda da internet. Melhor é interpretar várias informações e construir um texto.


Valentyna Myronets 8ºA

Anónimo disse...

A Ana recebe um mail de uma pessoa desconhecida. O assunto é " Jogos on-line muito fixes" e a mensagem contém um anexo.
Parece tentador.
Eu se recebesse esse email não abriria porque podia conter vírus.

Francisco Costa Nº10/ 8ºA

Anónimo disse...

São muitas as redes sociais e muitos os pedidos de amizade, que hoje em dia recebemos e muitas vezes aceitamos só para chegar aos 300 amigos ou porque aquela pessoa até é gira, mesmo quando não conhecemos.
Passado algum tempo começam as conversas e a partilha de conhecimentos, de dados pessoais entre outros, até que surge o pedido de um encontro.
Muitas vezes quem o recebe está tão iludido com a personalidade ou com a simpatia dessa mesma pessoa que se esquece que não a conhece e as consequências que esse encontro pode vir a ter.
Maior parte das vezes esses encontros com pessoas desconhecidas dão em graves problemas como um rapto, uma agressão ou ainda pior!
É bom alertar as consequências que podem surgir, e que caso esses encontros aconteçam há medidas que se podem tomar para prevenir que aconteça alguma situação desagradável.
Previsões como o facto de o encontro se realizar num local público e bem movimentado, para o possível indivíduo não ter coragem para fazer o programado; dar a conhecer esse encontro a um familiar, amigo ou mesmo ao Encarregado de Educação e acima de tudo confiar num adulto para partilhar e confessar os seus incómodos ou desconfianças.

Damiana Mateus Nº6 8ºA

Anónimo disse...

1ª Situação
- O que é um programa antivírus?

Antivírus são programas de computador, que servem para a proteção do mesmo, detetando e eliminando os seus vírus.
Existem vários antivírus ou programas com o mesmo intuito, as diferenças entre eles são o preço, as funcionalidades e a qualidade.
Um antivírus deve estar sempre atualizado, para oferecer uma melhor proteção ao computador. Alguns antivírus já o fazem automaticamente.
O primeiro antivírus foi criado em 1983, pelo engenheiro elétrico norte-americano Fred Cohen.
O antivirus mais usado no mundo é o AVG, graças a ser gratuito, a ter proteção em tempo real, etc.


Mafalda
Nº25 8ºA

Anónimo disse...

Situação 4: Encontros presenciais.

Hoje em dia, cada vez é mais perigoso o facto de as pessoas terem encontros com desconhecidos…
Primeiro porque nem sempre as intenções dessa pessoa podem ser as melhores, e depois porque é bastante perigoso!
Esse desconhecido que nos convida até pode ser uma pessoa bastante civilizada, e com boas intenções, mas também pode ser totalmente diferente daquilo que diz que é, dando nomes e dados pessoais falsos.
Caso as pessoas aceitem, o que por vezes não é a melhor solução, o melhor a fazer é avisar os pais ou algum familiar do que vai acontecer, pois assim estão mais protegidos. E também devem combinar o encontro num sítio onde conheça pessoas e que seja movimentado, como por exemplo num café ou assim, pois desta forma é mais fácil pedir ajuda.

Madalena Geraldes Nº17 8ºA

Anónimo disse...

Gostei imenso dos panfletos estão muito originais. Estão muito bem realizados.



Mariana Nunes 8ºB

Anónimo disse...

E-MAIL COM ANEXOS
O e-mail é um sistema de transmissão de mensagens escritas de um computador para outro computador via internet.
Apesar de ser um método mais rápido de enviar correspondência e bastante cómodo, temos de ter alguns cuidados.
Não devemos abrir mensagens de pessoas desconhecidas nem hiperligações recebidas por e-mail, mesmo que sejam muito tentadoras, pois podem conter vírus. Mesmo que sejam de alguém conhecido, devemos ter cuidado. Pode ser alguém a fazer-se passar por uma pessoa conhecida, para ficar a saber os nossos dados pessoais ou para nos colocar vírus no computador.
Por fim, devemos ter a preocupação de manter o antivírus atualizado para, quando abrirmos algum ficheiro que tenha vírus, não afete o computador.
Tendo em conta tudo isto, é preciso estar atento e ter cuidado!

Maria Inês Oliveira
8ºA - Nº18