quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Apenas um sonho…


Apenas um sorriso,

e um único olhar

são capazes de fazer sonhos

que ficam sempre por acabar.



Sonhos, pesadelos,

São fantasias capazes de nos deixar a pensar,

Em coisas impossíveis de se concretizar.



Eu sonhei contigo a me abraçar,

Juntos a brincar e a conversar.

Era um mundo só nosso,

Onde o Rei era a alegria,

A nobreza a fantasia e povo a solidão.

Em que ambos prometíamos,

Que nunca nos iríamos deixar.



Eu sonhei, sonhei, sonhei,

Para depois despertar

E me recordar,

Do mundo quase a acabar.



Por isso,

Fechei os olhos,

E pedi que quando os abrisse,

O meu sonho fosse capaz de se realizar.

....


Inês Félix, 7º F

Sem comentários: